close
Dragão de Água é uma designação genérica para vários cálculos da escola San He (escola Três Harmonias). São cálculos baseados na medição da fonte de energia que alimenta uma dada casa ou edifício, ou boca do Qi. Essa fonte de energia era tradicionalmente proveniente de um curso de água. Aliás "Dragão de Água" significa literalmente "Curso de Água" ou "Energia do Curso de Água". No entanto, modernamente o qi ou energia que alimenta a casa vem mais provavelmente de uma estrada ou caminho até à porta principal. 

Um dos cálculos mais simples e populares do Dragão de Água é o método da "montanha-direção dupla" que usa 12 direções básicas, correspondentes aos 12 animais do zodíaco chinês. A cada uma das 12 direções associa-se uma de 12 tipos de energia (palácios), havendo 4 positivos, 4 negativos e 4 neutros. Conta a lenda que este cálculo foi criado pelo primeiro grande mestre do Feng Shui, Yang Yung Sun que viveu no fim da dinastia Tang (900 AD). Tendo trabalhado para um imperador cruel ao qual reprovava as suas ações (em vez de as apoiar com Feng Shui), decidiu fugir da corte imperial levando consigo os principais livros de Feng Shui da biblioteca do palácio. Procurado para ser executado, refugiou-se na província de Cantão no sul da China, perto da atual cidade de Hong Kong. Passou o resto da sua vida a melhorar o feng shui das aldeias perto de onde vivia. Devido a esta lenda, este método é também designado de "método para ajudar os pobres", ou seja cidadãos comuns menos abastados que nobres e imperadores. Hoje em dia, muitos mestres dizem-se descendentes diretos de Yang Yung Sun.

O Dragão de Àgua utiliza-se para casas e prédios mas não especificamente para apartamentos. Para ser aplicado é necessária a capacidade de intervenção e mudança do espaço exterior. Nesse caso torna-se apenas uma ferramenta de diagnóstico. É no entanto muito útil para planeamento urbano e organizar o exterior de grandes complexos tais como hospitais, estádios de futebol, etc. É uma forma de "macro" Feng Shui por excelência.

Newsletter

Fique a par das nossas novidades.

Webinar grátis: Como o Feng Shui mudou a minha vida

Newsletter

A sua informação nunca será partilhada com terceiros
close
Em caso de litígio o consumidor pode recorrer a uma Entidade de Resolução Alternativa de Litígios de consumo:

CICAP – Tribunal Arbitral de Consumo
Rua Damião de Góis, 31, Loja 6, 4050-225, Porto
+351 22 550 83 49 / +351 22 502 97 91
cicap@cicap.pt

Mais informações em Portal do Consumidor www.consumidor.pt