MENU

Cores em Feng Shui Solange Gomes, 01 de Julho de 2013



A tabela em cima resume de uma forma simples a relação entre as cores e as emoções. Cores têm um papel fundamental na circulação da energia nos espaços e podem, através das suas características energéticas próprias, transformar a nossa percepção da realidade. Diferentes tons e intensidades têm efeitos específicos no nosso comportamento e estado emocional, bem como na nossa saúde e bem estar. Se pretendemos ser mais criativos, rápidos, competitivos, sociáveis, tranquilos ou introspectivos devemos procurar as cores adequadas para apoiar o nosso propósito, já que a maneira como revestimos os locais onde vivemos ou trabalhamos é um reflexo da nossa própria energia.

O feng shui estuda a utilização das cores nos espaços numa perspectiva global, desde a decoração a todos os elementos construtivos e objectos que os integram. A análise é feita de acordo com a qualidade energética de cada local, com a função e tipo de actividade a que se sujeita (se é um espaço de permanência ou de passagem, de relaxamento ou de actividade, de isolamento ou de sociabilidade, de liderança ou de criatividade), tendo sempre em consideração as particularidades de quem o ocupa.

De uma forma geral, as cores estão associadas às 5 transformações energéticas (fogo, solo, metal, água e árvore), representando o seu tipo de movimento nas polaridades opostas yin e yang. Assim, a utilização de cada cor irá evidenciar as tendências emocionais e de comportamento próprias (em equilíbrio ou desequilíbrio) da transformação que lhe corresponde.