MENU

Aqueça o seu quarto com Feng Shui Vanda Passos, 09 de Novembro de 2018

O frio chegou com toda a sua intensidade! O clima chuvoso e frio, céu cinzento, a noite que vem mais cedo, condições que convidam a recolher mais cedo ao ninho. Faz parte do ritmo da Natureza, representado em Feng Shui pelo ciclo Yin-Yang, que nos engloba e nos dita que esta é a altura de abrandar do ritmo yang do Verão, acalmarmos a vida social e entrar na fase yin de reclusão e introspecção, necessário para o equilíbrio energético humano. Dormir mais cedo, meditar, cuidar do corpo, da mente e do lar são prioridades da época, induzindo a passar mais tempo em casa e, consequentemente, no quarto!
Aquecer as casas torna-se uma necessidade extrema nesta altura do ano e as formas mais divulgadas e imediatas são pouco saudáveis, maioritariamente à base de aparelhos eléctricos que produzem energia electromagnética com iões positivos, causando distúrbios no descanso e provocando doenças.
 
No Feng Shui, para equilibrar uma energia que está em excesso, usamos a energia que a drena. Identificamo-las no Ciclo de Alimentação das Cinco Transformações (também conhecido por Cinco Elementos). Para equilibrar o excesso de humidade (transformação Água), usamos transformação Árvore. Plantas em casa ajudam a controlar a humidade e renovam o ar, muito útil nesta altura do ano em que é mais desagradável abrirmos as janelas para criar as necessárias correntes de ar que renovam o ambiente interno da casa.
 
A energia do aconchego, do conforto, da protecção maternal é transformação Solo. As casas estão assentes na Mãe Terra e o interior da nossa casa dá-nos protecção e conforto, como um útero. O que alimenta o Solo é o Fogo, precisamos dele para aumentar o conforto do lar. O seu estado ideal, é a energia pura da matéria natural. O fogo alimentado de madeira (transformação Árvore) é o mais saudável, por isso as lareiras e salamandras são a melhor opção. É uma energia Yang que se sente e espalha rapidamente, ambientando uma boa área da casa.
 
Lembre-se de tapar pontos de fuga de calor em janelas e portas, usando “chouriços” e fitas isoladoras. Coloque cortinados opacos, densos, que retém algum calor que escapa pelas janelas. Pode colocar um segundo varão, mantendo as cortinas habituais. Dê preferência a têxteis compostos por fibras naturais, como a lã, linho ou algodão, porque estas espalham-se pelo ar em microparticulas e acabamos por ingeri-las sem notarmos e o sintético gera doença. Durante o dia aproveite a energia gratuita da natureza: abra as cortinas e deixe a energia do sol entrar, que através dos vidros aumenta o seu calor e aquece o espaço. Ao final do dia feche as cortinas densas e acenda o Fogo. Cozinhar em casa, principalmente com fogo, também é uma excelente fonte de calor. Use especiarias, são anti-inflamatórias, aquecem o metabolismo e muitas são afrodisiacas. Quando recolher ao quarto já estará mais confortável, assim como o ambiente.

A maior percentagem de chi que circula nas casas vem do exterior, mas internamente são os habitantes que produzem maioritariamente o chi. Para emanar chi de qualidade, é necessário regeneração. Dormir bem é essencial, ainda mais nesta altura do ciclo, em que há uma contração estrutural e diminuição de actividade natural. Um quarto aconchegante, confortável, é meio caminho para descansar bem. A temperatura deve ser amena para o fresco, o calor impede um sono contínuo.  Cores de terra (transformação Solo) causam sensação de aconchego. Os tons Fogo despertam a sensualidade e induzem o corpo a aquecer, como os tons quentes de vermelho ou o rosa. Mas cuidado, não abuse do fogo no quarto, use pontualmente realçando o que lhe pareça interessante e bonito, e conjugue os tons Solo e fogo mais pálidos (Fogo Yin). Demasiada cor viva fogo propicia discussões e podem causar insónias por serem estimulantes.
 
Se o ambiente é ainda frio, utilize tapetes e outros têxteis, como almofadas, cortinas e edredons ou colchas de lã. Velas são Fogo yin, energia Fogo menos activa, mas também aquecem. Pode acendê-las no quarto, criando um ambiente romântico e confortável. Observar e sentir o fogo da vela estimula o aquecimento no corpo humano. Importante é apagá-las antes de adormecer. Para aquecer a cama,  antes de se deitar coloque no meio dos lençóis um saco de sementes pré-aquecidas no microondas, ou um saco de água quente. Após entrar na cama, mantenha a sua temperatura com a dose certa de cobertores.

Se partilha a sua cama, use o Feng Shui para aquecer o seu relacionamento! Uma relação saudável combate as insónias e o frio e a cama não serve apenas para dormir! Não há nada melhor do que dormir bem quentinho e relaxado após fazer amor.

O feng shui do seu quarto e a sua relação amorosa beneficiam se tiver elementos decorativos aos pares, de preferência símbolos de romance, como um casal de patos-mandarim, andorinhas, ou piriquitos. São amuletos que atraem a sorte no amor. Devem ser sempre objectos apreciados pelos dois. A simetria é sinónimo de equilíbrio, procure usá-la na sua decoração para equilibrar energias. Tenha duas mesas de cabeceira iguais, promovendo a igualdade entre o casal. Formas circulares também são benéficas para relacionamentos, reforçando a união e a regeneração. Pode ter espelhos no quarto, mas nunca os tenha a reflectir a cama, ou irá atrair problemas na relação causados por terceiros, maioritariamente traição! Pendure na parede fotografias vossas em momentos felizes, quadros com imagens que transmitam amor e deixe fora do quarto figuras religiosas e divindades.

Desfrute da sua casa, dê calor à sua vida amorosa e aqueça-se com Feng Shui!